Jimmy

>sempre ali

Deja un comentario

>era uma vez um corpo sem arranhões ou remendos de alguém sem história.

seus olhos alegres escondiam bem mais do que jamais se pensou. o visual cool, a maneira de falar, as risadas que conquistava, tudo era bonito demais para ter, por trás, sonhos destruídos e momentos que queria esquecer.

até a primeira cicatriz rasgar a sua pele, ninguém o havia perguntado sobre o passado. nem se preocupado, já que o que se vê é o mais importante. mas agora ele tinha um motivo para que o perguntassem e se sensibilizassem com um dos seus sofrimentos.

mesmo que tudo aquilo passasse e ele vivesse outros dias sem lembrar daqueles, ela estaria sempre ali, para que nada daquilo se perdesse no futuro. exatamente como as marcas da alma, sobre as quais ninguém perguntava, que só ele sabia como ainda doíam.

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s