Jimmy

Um erro

3 comentarios

O mais triste e magico de escrever sobre si mesmo na Internet por tantos anos é poder reler tudo e muitas vezes perceber que volto a sentir as mesmas coisas.

Escrevi este texto no fim de 2004, mas se eu quisesse expressar como estou me sentindo agora, tenho certeza que não conseguiria faze-lo de forma melhor. Então ai vai a reprise.

” Era o primeiro de janeiro de um ano qualquer. Havia um garoto qualquer,que estava em um lugar qualquer, vestindo uma roupa qualquer.Tudo o que se passava pela sua cabeça eram as mágoas do ano anterior que ainda não haviam cicatrizado. Tudo o que ele queria era esquecer aquilo tudo e se conformar com o que lhe havia acontecido. Um novo ano o esperava pela frente. 
Naquele ano, ele queria que tudo fosse diferente: ele não queria ter mais esperanças,prometeu a si mesmo que trocaria sonhos por objetivos, e que não encontraria em ninguém um encanto a mais. Ele jurou para si mesmo que se tornaria alguém diferente, menos sentimental, mais racional. Alguém que não deixaria que nada o abalasse.E nada o faria sofrer. 
Mas a fraqueza tomou conta daquele garoto e as coisas foram acontecendo contra a sua vontade. Seus objetivos haviam virado sonhos e ele conseguia ver encanto nos olhos de alguém. Ele tentou lutar contra tudo aquilo, tentou lembrar da promessa que fizera a si mesmo, mas os sentimentos invadiram o coração daquele garoto, que já havia deixado de ser ingênuo e de acreditar que se pode lutar pelo que se quer e o que se deseja.Até no amor ele já tinha deixado de acreditar. Agora, ele sentia aquele amor, ele tinha esperanças, ele queria lutar por todos os seus sonhos. Ele havia se traído. Não conseguiu seguir as próprias regras. 
Ao fim de mais um ano, naquela esperança e na luta por aqueles sonhos, o garoto achava que desta vez seria feliz. Porém, a vida não deixou. A vida o fez voltar a querer desacreditar, a não sonhar, a não amar. O mundo o odeia, mas ele ama o mundo. O amor o odeia, mas ele o quer. Seus sonhos o destroem, mas ele quer realizá-los.Mas ele não pode, a vida não deixou mais uma vez. 
Hoje, estamos próximos do primeiro de janeiro de outro ano qualquer. Um ano após aquele,quando este mesmo garoto qualquer estava em um lugar qualquer, vestindo uma roupa qualquer. Este garoto já não quer repetir o mesmo erro. Ele não quer viver pensando que pode não sofrer e nem deixar que qualquer sofrimento o atinja. Este garoto quer ser feliz, mas já percebeu que não pode sequer sonhar com isso. Ele não sabe mais o que pensar, o que esperar e nem sabe como agir. Ele só não quer que este ano seja outro erro. Mas isto já é ter esperanças. ” 

Postado originalmente no Coracao de Garoto em 26/12/2004.

Anuncios

3 pensamientos en “Um erro

  1. Alguém vira o ano querendo permanecer como está?

  2. Uma pena o coração de garoto estar bloqueado… Gostava tanto!

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s