Jimmy

Amar é fazer faxina

Deja un comentario

faxina

Há semanas o apartamento não via uma vassoura. As sacolas de supermercado e as roupas espalhadas já haviam virado parte da decoração. Mas ele disse que vinha, então decidi que era hora de deixar tudo em ordem. Queria a casa linda, queria cozinhar, queria a cama arrumadinha para desarrumar com ele.

Enquanto varria o chão, pensei: amar é fazer faxina. Não só porque o possível novo amor vem, mas porque o possível novo amor não precisa respirar o pó que os outros deixaram. Aquelas cuecas sujas no canto na sala, as garrafas pet abandonadas embaixo da cama e os pratos há dias na pia são como as frustrações, arrependimentos e desilusões que eu já tive e nada tem a ver com a história que começa.Voltar a amar tem que ser como escrever num caderno em branco, com caneta nova, no primeiro dia de aula.

Mas ele não veio, e não consegui fazer nada naquele domingo que seria nosso . O possível novo amor acabou sendo mais um príncipe que virou sapo, justamente por não ter feito a sua faxina no passado. Mas valeu a pena, porque me dei conta que tinha feito bem a minha. Enquanto esfregava cada canto do box do banheiro com a esponja, pensava em toda a sujeira que com muitos esfregões consegui tirar da memória. Para deixar a casa limpa, para deixar o coração brilhando de tão polido, para deixar tudo pronto para o próximo amor entrar e ficar.

 

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s